Oak Energia

Ilustração de sistema fotovoltaico ongrid e offgrid

Energia elétrica sustentável usando sistema solar fotovoltaico

Vocês sabem como aproveitar a energia do sol para produzir sua própria energia elétrica e sair da conta de luz utilizando um sistema fotovoltaico?

Tem interesse em conhecer os principais detalhes dessa solução tecnológica sustentável para fazer um investimento com bons retornos e de forma segura?

No artigo de hoje explicaremos como é possível aproveitar a energia solar para produção de energia elétrica, através dos famosos e modernos sistemas fotovoltaicos, as principais vantagens e os benefícios de possuir essa solução sustentável de forma personalizada. Confira.

 

Como funciona um sistema fotovoltaico?

Um sistema fotovoltaico nos permite aproveitar a energia do sol e produzir nossa própria energia elétrica, disponibilizando essa energia para o consumo no próprio local ou até mesmo em outro lugar. Tecnicamente, quando a radiação solar atinge as células fotovoltaicas, constituídas por um material semicondutor, ocorre o efeito fotovoltaico e, como consequência, a produção de energia elétrica.

Foto de sistema fotovoltaica em propriedade rural

Resumidamente, o efeito fotovoltaico pode ser entendido como a interação da radiação solar com as células fotovoltaicas que são constituídas, basicamente, por silício (material semicondutor) dopado com outros elementos químicos como o boro e fósforo. A radiação solar possui energia suficiente para excitar os elétrons desse semicondutor e promover a conversão da radiação solar em energia elétrica, com a produção de corrente contínua.

Com a utilização de um inversor solar, é possível converter a corrente contínua (CC) em corrente alternada (CA) e essa corrente alternada pode ser utilizada em todos os equipamentos e eletrodomésticos que possuímos e utilizamos em nosso dia a dia.

Foto de inversor de sistema fotovoltaico

O efeito fotovoltaico que é o responsável pela conversão da radiação solar em energia elétrica nos sistemas fotovoltaicos é tão importante e merece tanta atenção que temos um artigo exclusivo sobre o funcionamento de uma célula fotovoltaica e o efeito fotovoltaico.

10 Vantagens de possuir um sistema fotovoltaico personalizado

  1. Conquistar sua independência energética;
  2. Se tornar um produtor de energia renovável;
  3. Payback reduzido;
  4. Economizar até 100% na conta de luz e sair das inflações do mercado de energia;
  5. Produzir energia limpa, sem ruído e sem emissões de resíduos;
  6. Retorno maior que a renda fixa;
  7. Valorização da propriedade onde o sistema está instalado;
  8. Produzir energia elétrica para outras unidades consumidoras com único sistema;
  9. Longos anos de garantia e durabilidade dos equipamentos envolvidos;
  10. Contribuir para a diversificação da matriz energética do país.

Essas são, com certeza, as principais vantagens e benefícios que um sistema fotovoltaico personalizado pode proporcionar a todos nós. Para alcançar todas essas vantagens, conhecer sobre essas tecnologias e obter um sistema fotovoltaico personalizado são as principais chaves para um excelente investimento nessa solução sustentável.

Foto de paisagem bucólica com sistema fotovoltaico instaldo

Tipos de sistemas fotovoltaicos (conectado à rede, autônomo e híbrido) suas vantagens e desvantagens

Os sistemas fotovoltaicos são classificados em 03 tipos de configurações:

Sistema fotovoltaico conectado à rede (On-Grid)

Os sistemas fotovoltaicos On-Grid possuem como principal característica a conexão com a rede de distribuição de energia. Nessa configuração, após a conversão da energia solar em energia elétrica, toda energia produzida pode ser consumida no local ou pode ser inserida na rede de distribuição e ser transformada em créditos de energia ou consumida em outros locais.

Além dos módulos fotovoltaicos, nos sistemas fotovoltaicos também estão presentes os inversores solares, que são responsáveis por converter a corrente contínua produzida pelos módulos solares em corrente alternada. Os inversores também são responsáveis por monitorar toda energia produzida pelo sistema fotovoltaico e permitindo o monitoramento via Wi-fi. Portanto, os inversores permitem monitorar toda energia produzida de forma remota.

A corrente alternada produzida durante o dia é adicionada à rede elétrica da nossa casa, empresa ou fazenda, (local onde o sistema fotovoltaico está instalado) e abastece nossos equipamentos e eletrodomésticos. Vale destacar que o excedente de energia produzida durante o dia é adicionado na rede de distribuição e fica na forma de créditos de energia.

Esse crédito de energia será utilizado durante o período noturno ou pode ser “repassado” à outra unidade consumidora em outro endereço. Para que esse repasse de energia ocorra com sucesso, ambos os endereços devem, obrigatoriamente, estar conectados na mesma rede de distribuição e com as respectivas contas de luz em mesmo nome (ou seja, todos no mesmo CPF ou todas no mesmo CNPJ).

10 Vantagens de utilizar um sistema fotovoltaico conectado à rede (on grid)

Listamos para vocês as 10 principais vantagens de se utilizar um sistema fotovoltaico conectado à rede de energia.

  1. Sistema fotovoltaicos simples com os menores investimento;
  2. Payback reduzido;
  3. Menor impacto ambiental (por não necessitar de bateria);
  4. Menor valor do custo de produção de energia (R$/kwh);
  5. Não necessita de controladores de carga e baterias;
  6. Permite a construção de grandes fazendas solares, contribuindo com a diversificação da matriz energética;
  7. Permite realizar compras e vendas de energia elétrica;
  8. Possui legislação regulamentadora vigente na ANEEL;
  9. Tecnologia já consolidada no mercado com diversas opções;
  10. Possui manutenção simples (basicamente, realização de limpeza de painéis fotovoltaicos e inspeção dos cabos).

Sistemas fotovoltaico autônomo (Off-grid)

Os sistemas fotovoltaico autônomos (off grid) foram os primeiros sistemas a surgirem e possuem como principal característica estarem desconectados da rede de distribuição de energia elétrica. Esses sistemas fotovoltaico autônomos possuem quatro (04) configurações técnicas, em função da presença ou não das unidades de armazenamento (baterias) e em função de produzir ou não corrente elétrica alternada.​

foto de sistema fotovoltaico desconectado da rede offgrid

Sistema fotovoltaico autônomo com corrente alternada com armazenamento

Nessa configuração, o sistema fotovoltaico é constituído por um arranjo fotovoltaico, unidades de armazenamento de energia (que são as baterias ou banco de baterias) e um inversor solar. Essa configuração permite a produção de corrente contínua e corrente alternada, possibilitando o fornecimento de energia, constantemente, sem depender da rede de distribuição.

De todas as configurações dos sistemas fotovoltaico autônomos, essa é a mais completa, pois tem capacidade de fornecer corrente contínua e alternada, independente da rede de distribuição. Exemplos dessa configuração de sistema fotovoltaico autônomos são sistemas elétricos que possuem equipamentos com corrente contínua e equipamentos com corrente alternada, por exemplo, um pequeno ponto isolado em zona rural que utiliza lâmpadas de corrente contínua e equipamento elétrico conectado em tomada.

Sistema fotovoltaico autônomo com corrente alternada sem armazenamento

Nessa configuração, é adicionado um inversor solar após os módulos fotovoltaico fornecendo corrente alternada, porém sem a presença das baterias para armazenamento. Como esses sistemas não são conectados à rede e não possuem baterias, sua funcionalidade fica restrita durante a produção de energia (ou seja, somente durante o dia).

Essa configuração é utilizada para abastecer equipamentos que necessitam de corrente alternada e possuem funcionamento, somente, durante o dia (ou seja, são utilizados enquanto há produção de energia). Os principais exemplos da utilização dessa configuração são os equipamentos que consomem corrente alternada como: bombas d´água, pequenos equipamentos e motores. Este tipo de sistema possui uma desvantagem que são as alterações no padrão de energia em função da disponibilidade solar, o que pode queimar motores sensíveis.

Sistema fotovoltaico autônomo com corrente contínua e com armazenamento

Esses sistemas fotovoltaicos são adequados para abastecer equipamentos elétricos que funcionam com corrente contínua. Como nessa configuração as baterias estão presentes, esse sistema permite o fornecimento de energia elétrica com ou sem produção simultânea. Nessa configuração as baterias também estão presentes permitindo armazenar a energia produzida e consumi-la em outros momentos (como por exemplo durante a noite, quando o sistema fotovoltaico não está produzindo energia).

Essas configurações de sistemas autônomos também são extremamente úteis e aplicados, por exemplo, em áreas rurais, para fornecer energia elétrica para consumo diário e noturno em diversos equipamentos como: bombas de água, torres e repetidores de internet, sistemas de iluminação isolados e tantos outros.

Sistema fotovoltaico autônomo com corrente contínua e sem armazenamento

Essa configuração é a mais simples dentre todos os sistemas fotovoltaicos existentes. Neste tipo de sistema a energia elétrica produzida pelos módulos fotovoltaicos (corrente contínua) é utilizada no mesmo momento de sua produção. Esses sistemas fotovoltaicos são úteis para abastecer equipamentos que funcionam por meio de corrente contínua e que operam, exclusivamente, durante o dia. Os principais exemplos são os equipamentos que funcionam com corrente contínua e que são operados somente durante o dia, como: bomba de água; iluminação interna, sinalizações e outros.

10 Vantagens de utilizar um sistema fotovoltaico desconectado da rede elétrica (off grid)

Listamos para vocês as 10 principais vantagens da utilização de um sistema fotovoltaico autônomos (desconectados da rede), confira:

  1. Independência energética 100%;
  2. Não tem conta de luz;
  3. Não tem custo com iluminação pública;
  4. Isento das tarifas da distribuidora de energia;
  5. Possibilidade de instalação em regiões remotas (onde não existe rede de distribuição de energia);
  6. Possui sistema próprio de armazenamento de energia;
  7. Não há necessidade da etapa de adequação (padrão e disponibilidade de rede);
  8. Com o avanço das tecnologias de armazenamento de energia (baterias), os valores desse tipo de sistema estão reduzindo;
  9. Fonte de corrente contínua e alternada 100% independente das redes de distribuição e transmissão de energia;
  10. Possibilidade de armazenamento de energia mesmo sem utilizar as redes de distribuição.

Para conseguir aproveitar todas essas vantagens e tornar esse tipo de investimento atrativo, seu sistema fotovoltaico off-grid também deve ser personalizado.

Sistemas fotovoltaico híbrido

Nessa configuração híbrida, o local é conectado a uma rede de distribuição de energia e a um banco de baterias. A principal vantagem dessa configuração é que, se houver alguma falha na rede de distribuição de energia durante o dia (ex. alguma manutenção ou suspensão do abastecimento), o sistema fotovoltaico continua a realizar o fornecimento de energia elétrica e manter o abastecimento sem interrupções. As desvantagens desse tipo de sistema são as mesmas dos sistemas conectados à rede (ou seja, pagamento de taxas e as tarifas de iluminação pública).

 

Espero que tenham compreendido como funciona um sistema fotovoltaico, quais são os tipos existentes no mercado, bem como todas as vantagens e benefícios de você obter um sistema fotovoltaico personalizado.

Compartilhe este conteúdo com alguém que possa gostar

Deixe um comentário